IOGURTE CASEIRO – SABOROSO, FÁCIL DE FAZER E BENÉFICO PARA A SAÚDE.

IOGURTE-1000X600

O corpo humano é composto de bilhões de bactérias, sem muitas das quais nós não sobreviveríamos. Precisamos ter uma boa quantidade de “boas” bactérias no trato digestivo, e muitos iogurtes são feitos com bactérias boas.

Uma das palavras relacionadas ao iogurte que você vai ouvir com frequência é “probióticos”. O termo “probiótico”, refere-se a organismos vivos presentes no iogurte e que podem resultar em um benefício para a saúde quando consumidos em quantidades adequadas.

Normalmente não é necessário o consumo de alimentos com probióticos para se manter saudável. A maioria de nós já têm um número suficiente de bactérias amigáveis que fazem bem. No entanto, para pessoas que sofrem de distúrbios digestivos, como a síndrome do intestino irritável e irregularidade crônica, os probióticos podem ser uma bênção.

E quais são os benefícios que o iogurte pode trazer?

  • Há uma melhoria na diminuição da barriga e na queima de gorduras;

  • Ótimo aliado na reposição do cálcio no período da menopausa;

  • Poderoso aliado no combate à hipertensão;

  • Diminuição de gases, fermentação;

  • Combate as inflamações e infecções intestinais;

  • Podem ser um tratamento eficaz para a síndrome do intestino irritável;

  • Melhora no sistema imunológico;

  • Desaceleração do processo de envelhecimento;

  • Contém vitaminas do complexo B que auxiliam no metabolistmo de proteinas, carboidratos e lipídeos;

  • Contém Potássio;

  • Contém Fosforo;

  • Contém Iodo;

  • Contém Zinco;

  • Contém Calcio, portanto pode ajudar a prevenir a osteoporose;

  • Micronutrientes e proteínas;

  • Pesquisa da Universidade da Califórnia mostra que mulheres que consomem quatro xícaras de iogurte por semana têm menos infeções vaginais e urinárias;

  • Probióticos podem reduzir os sintomas de diarreia, especialmente quando ela é causada pelo consumo de antibióticos;

  • Probióticos podem minimizar a ocorrência de cancros da bexiga;

  • Probióticos podem reduzir a gravidade e duração de infecções intestinais;

  • Probióticos têm sido utilizado para reduzir a inflamação do cólon após cirurgia;

  • Probióticos podem ser utilizados para tratar o eczema e asma em crianças.

Iogurte sem açúcar e que contém as bactérias Streptococcus thermophilus (uma das bactérias do bem) contribui para uma redução nas concentrações de uma bactéria que induz ao mau hálito.

Apesar de ser derivado do leite, o iogurte tende a conter um nível bastante reduzido de lactose, açúcar que não é digerido pelo organismo dos intolerantes à lactose, e o responsável por provocar diarreias e outras complicações.

DICA:

No supermercado, coloque por último no carrinho não só os iogurtes como também todos os produtos refrigerados.

Ao chegar em casa, os iogurtes devem ser os primeiros a ir para a geladeira.

IOGURTE CASEIRO SIMPLES E FÁCIL DE PREPARAR

INGREDIENTES:

1 litro de leite
1/2 (meio) pote de iogurte natural e integral sem adição de açúcar (aquele de supermercado)

ou

1 litro de leite
1 envelope de fermento lácteo probiótico para preparo de iogurte (sugestão: pode ser da marca Bio Rich) . Você encontra em lojas de produtos naturais.

MODO DE PREPARO:

  • Em uma leiteira (de preferência uma de inox) esquente o litro de leite em fogo baixo.
  • Desligue o fogo ao atingir a temperatura de 84 graus centígrados. Caso você não tenha termômetro de cozinha, desligue o fogo no momento da fervura. Se formar película (nata) descarte-a.
  • Ponha para esfriar e ao atingir a temperatura de 43 graus centígrados ele estará pronto para a próxima etapa. Caso você não tenha termômetro de cozinha, use o “dedômetro” e conte até 10 (dez). Se aquecer o dedo sem queimar, pode ir para a próxima etapa.
    Enquanto o leite esfria pré aqueça seu forno.
  • Acrescente ao leite aquecido 1/2 pote de iogurte natural e mexa bem, até ficar homogêneo.
  • Se você utilizar o envelope de fermento lácteo, num recipiente a parte você coloca um pouco do leite aquecido, junte o pó e mexa bem. Ele estará pronto quando a mistura estiver semi-líquida. Coloque essa pasta no leite da leiteira e mexa bem.
  • Desligue o forno mantendo a porta fechada para o ar quente não sair.
  • Tampe a leiteira e coloque-a no forno desligado. Cubra-a com toalhas para que se mantenha aquecida.
  • Mantenha a no forno por 6 a 8 horas ou até o dia seguinte.
  • Retire do forno, separe 1/2 copo (do seu recém feito iogurte) num copo, tampe-o e reserve colocando-o na geladeira para usar nas próximas vezes (assim você não precisará comprar outro envelope de fermento lácteo ou outro pote de iogurte).
  • Leve o iogurte que foi preparado para a geladeira (pode trocar de recipiente se quiser). Eu costumo colocar num recipiente de vidro.
    Como em casa somos em 3 adultos e 1 criança, dura um dia e meio.
  • Você pode fazer com 1 litro de leite, 2 litros ou 3 litros de leite com o mesmo 1/2 copo de iogurte ou 1 envelope de fermento lácteo.

Validade: Como o iogurte caseiro não tem conservantes, procure consumi-lo em 5 a 7 dias.

Rendimento: 5 potes de 95 calorias aproximadamente

Custo da receita:

1 copo de iogurte R$ 2,19
1 litro de leite R$ 3,10

—————————-

Custo total: R$ 5,29

Se fosse comprar os 5 potinhos no supermercado, você gastaria R$ 10,95, portanto a economia é de R$ 5,66.

PS.: Você pode usar o leite desnatado, ele ficará um pouco mais ralo.

FONTE:

http://www.leaflady.org/yoghurt.htm

http://www.livescience.com/32236-is-yogurt-really-good-for-you.html

Bell, Brenda, “O mundo oculto de iogurte”

http://www.bmj.com/content/early/2006/12/31/bmj.39231.599815.55.full.pdf+html?